21/06/2014

A estação mais fria do ano começou às 7h51 deste sábado (21) e será marcada pelo retorno do fenômeno climático El Niño, segundo informações Instituto Tecnológico Simepar.

O Instituto informou que a estação será mais chuvosa do que o habitual para os meses de inverno, com chuvas bem distribuídas durante os primeiros 45 dias em todo o Paraná. Já na segunda metade do inverno, o clima no Estado será influenciado pelo fenômeno climático El Niño, ou seja, espera-se que os meses de agosto e setembro apresentem mais chuvas do que o comum para o período. Os primeiros sinais do aumento no volume de chuva devem ser observados nos setores Oeste, Sudoeste e Sul.

Mesmo com a maior incidência de chuvas, o frio não deve ser rigoroso no trimestre julho-agosto-setembro. Segundo previsões do Simepar, as temperaturas devem ficar acima da média histórica para o período no Estado.

Com a atuação do El Niño, o deslocamento das ondas de ar frio pelo Paraná não devem ser tão frequentes, principalmente a partir do mês de agosto. Entretanto, durante a estação estão previstos alguns dias muito frios, associados ao deslocamento de massa de ar frio intensa, de origem polar, que podem favorecer a ocorrência de geadas em todo o Estado.

No primeiro dia do inverno o clima fica estável em todo o Paraná. Por conta do ar frio, caracteristicamente mais seco também, o sol predomina na maior parte das regiões paranaenses. Ao longo da madrugada e nas primeiras horas da manhã as temperaturas ficaram baixas em todo o Estado, com mínima média de 11ºC. No Sul foram registradas as menores temperaturas: 4.3°C em Francisco Beltrão e 6°C em Guarapuava. No decorrer da tarde, sol mais forte ajudará a elevar as temperaturas.

Em Apucarana, as baixas temperaturas no período da manhã seguem até a próxima terça-feira (24), com tempo estável e sol no período da tarde. Já na quarta-feira (25), segundo o Simepar, o tempo fica parcialmente nublado, com chuvas e trovoadas a partir da tarde.

Inverno em Apucarana

O que achou desta notícia ? Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *