14/03/2019

Eleito presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, Felipe Francischini (PSL-PR) disse na noite de quarta-feira, 13, que pretende tentar conversar individualmente com os integrantes do colegiado até a próxima quarta-feira, 20, sobre o cronograma de tramitação da reforma da Previdência. Ele avisou que buscará consenso com as lideranças. As informações são da Veja.

O prazo de cinco sessões para a votação da admissibilidade da reforma na CCJ começa a contar a partir desta quinta-feira, 14. Os deputados, porém, defendem que qualquer cronograma de tramitação só seja definido após a chegada da proposta que vai alterar regras dos militares.

A preocupação dos parlamentares é garantir que todos darão sua contribuição para a reforma da Previdência e evitar que alguma categoria fique de fora.

A instalação da CCJ é a primeira etapa na tramitação da reforma no governo. Rodrigo Maia, presidente da Casa, declarou esperar que essa primeira votação seja concluída entre os dias 27 e 28 deste mês.

Votação
A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados confirmou o deputado Felipe Francischini (PSL-PR) como seu presidente na noite desta quarta-feira. Ele foi eleito com 47 votos favoráveis. Houve 15 votos em branco e dois nulos. A deputada Bia Kicis (PSL-DF) foi eleita primeira vice-presidente com 39 votos favoráveis, 23 em branco e dois nulos.

Fonte: Veja Abril

O que achou desta notícia ? Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *