12/06/2019

A irregularidade completou três anos ontem (11/06), e ninguém questionou o servidor.

O servidor estatutário vem recebendo irregularmente desde 11/06/2017 uma aposentadoria do INSS no valor de R$ 5.551,22 e no mês de maio recebeu de proventos no legislativo mais R$ 23,268,36. A informação consta no Portal da Transparência da Câmara Municipal de Apucarana.

O aposentado acumula os dois valores, somados, alcançam quase R$ 30 mil reais, uma suposta fraude contra a previdência e a população de Apucarana.

O servidor solicitou no mês de junho de 2017 a aposentadoria na cidade de Arapongas, recebe a aposentadoria e também do legislativo, o aposentado contou com apoio de algum servidor para poder cometer a referida irregularidade.

O presidente da Câmara de Apucarana, Luciano Molina, deverá tomar providências para cessar essa irregularidade. E o servidor e seus comparsas, deverão ser responsabilizados pelas irregularidades.

 A reportagem irá trazer uma reportagem completa com todas informações dos envolvidos.

 

O que achou desta notícia ? Deixe um comentário.
  1. O Governo Federal tenta fazer o Congresso votar a reforma da Previdência, pois à continuar sem as alterações necessárias dentro de poucos anos estará quebrada e os beneficiários sem receberem as aposentadorias e os benefícios de direito, após anos de trabalho e contribuições. Grande parte do problema está concentrado nos Estados e Municipios, que não querem abrir mão dos privilégios que auferem com os planos e vantagens que recebem da Previdência Estadual e Municipal. Temos pois, na Câmara Municipal de Apucarana o exemplo deste abuso. Garanto que têm muito mais o que descobrir. O Canal 38 deve continuar fazendo levantamentos no Executivo e Legislativo. Vai se espantar!!!

    • Tinha que acabar com os comissionados, cabide de emprego.
      Palhaçada com quem de fato trabalha e recebe um mísero salário.

  2. Este tipo de notícia merece aplausos ! Mesmo quando falsa desperta no cidadão um sentimento de revolta dando um start no desejo de fiscalizar. É preciso despertar no cidadão que o POLÍTICO é servidor público, empregado do povo, a quem deve prestar contas.

  3. Olha gente se vc querem a o Brasil mudar começa por aí o cabra recebe do INSS e mais da câmara e o pior que estão querendo cortar do pobre aposentado que é apenas um salário mínimo b e esse aí só esbanjando o presidente ter que tomar atitude nessa farsa a população está de olho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *